Bolo de Limão, Alperce e Amora, com Creme de Mascarpone e Caramelo Salgado

 


Um bolo para celebrar. Celebrar o verão e dez anos do blogue. São dez anos de "Ananás e Hortelã", de histórias e receitas, memórias e sabores, partilhas de bolos e bolinhos, e tão mais que isso. Apesar de não estar tão activo como há uns anos atrás, merece sempre ser celebrado. Até porque foi este o caminho que me levou a mudar de vida, me fez crescer com ele e me fez apaixonar pelo que faço hoje em dia.

Celebrar sempre as pequenas coisas da vida, e as grandes também. Os bons e doces momentos, que aqui partilho. Só vos posso agradecer por continuarem desse lado, porque este caminho não se fez sozinho, foi sempre na vossa companhia. E eu gosto mesmo desta partilha, não só das receitas, mas do que elas contam, das fotografias e dos cenários percorridos, de todas as fatias de bolo que foram cortadas. 

Hoje o bolo é vosso, é nosso, e quero que se sintam em casa. Sentem-se neste jardim, e sirvam-se de uma fatia. Um bolo com uma massa de limão, recheado com geleia de alperce, creme de mascarpone e compota de amora. Decorado com fruta do verão, e pintado de caramelo salgado. Uma ode ao verão e aos dias longos passados lá fora no jardim, aos dias de festa. Vamos celebrar juntos. Obrigada.






 

BOLO DE LIMÃO, ALPERCE E AMORA, COM MASCARPONE E CARAMELO SALGADO

Bolo:

5 ovos grandes

2 chávenas de açúcar

raspa de 3 limões

3/4 chávena de óleo

1 chávena de iogurte grego

1 colher (chá) fermento

3 chávenas de farinha com fermento

 

Recheio:

1 chávena de compota de amora

1/2 chávena de geleia de alperce

 

Creme e Cobertura:

500 gr de mascarpone

300 ml de natas para bater 

3 colheres (sopa) de açúcar em pó

1 colher (chá) de pasta de baunilha 


Caramelo Salgado:

200 gr de açúcar

200 ml de natas aquecidas

75 gr de manteiga

1 colher (chá) de flor de sal



Preparação

Para o bolo, untar com manteiga e forrar com papel vegetal o fundo de duas formas redondas com 20 cm de diâmetro. Pré-aquecer o forno a 180ºC. Numa taça colocar o açúcar e a raspa de limão e massajar bem. Adicionar os ovos e bater por 5 minutos, até ficar bem volumoso. Adicionar o óleo e o iogurte e misturar bem. Por fim a farinha e fermento e envolver até ficar homogéneo. Dividir a massa pelas duas formas e levar ao forno até cozer (teste do palito). Depois de cozer, desenformar e deixar arrefecer totalmente sobre uma rede.

Para o creme mascarpone, colocar o mascarpone na taça da batedeira eléctrica e bater até ficar cremoso. Adicionar as natas bem frias e bater até ficar volumoso e bastante firme e consistente. Adicionar depois o açúcar e a baunilha e envolver mais um pouco. Reservar no frio.

Para o caramelo salgado, aquecer o açúcar com uns pingos de água e deixar caramelizar até ficar dourado. Juntar as natas aquecidas e mexer até ficar homogéneo. Fora do lume adicionar a manteiga e a flor de sal e mexer bem até incorporar. Deixar arrefecer.

Para montar o bolo, cortar a meio cada um dos bolos, de forma a obter quatro rodelas de bolo e alisar cada uma delas se necessário. Colocar uma delas numa base para bolos e pincelar com geleia de alperce aquecida previamente. Barrar com parte do creme de mascarpone e depois espalhar 1/3 da compota de amora. Colocar nova camada de bolo por cima e repetir os passos até à última rodela de bolo. Começar a barrar o bolo nas laterais e topo com o creme mascarpone. Ir raspando com ajuda de uma espátula nas laterais para dar o efeito semi naked.

Colocar o bolo num prato de servir e regar com o caramelo salgado, deixando escorrer um pouco pelas laterais. Enfeitar o topo com alperces e amoras. Deve ser conservado no frio.

Bom Apetite!


 




Granola Crocante de Coco e Pecãs

Adoro começar os dias assim. Manhãs com granola e fruta da época. Nada melhor que fazermos uma fornada de granola em casa, é tão fácil e prático. E assim temos um pequeno-almoço simples e tão nutritivo pronto em menos de nada. Esta tem sido a minha granola preferida dos últimos tempos, de coco e com nozes pecãs, com um toque de canela e a doçura do mel. Fica tão crocante e deliciosa. Adoro começar assim as minhas manhãs, servir a granola na minha chávena almoçadeira preferida da Wanapix, com fruta fresca da época, iogurte natural ou bebida vegetal, um toque de mel e está feito um belo início do dia.



Recentemente recebi alguns produtos do site da Wanapix, personalizados e mesmo muito bonitos. Para além desta almoçadeira linda que já faz parte das minhas manhãs, adoro a minha garrafa de água térmica que levo comigo para todo o lado, e assim tenho a certeza que me hidrato (escolhi personalizar com desenho de ananás e o meu nome) e para refeições fora de casa sempre frescas e impecáveis, uso esta marmita de vidro que é a minha cara e dá imenso jeito. Todos os produtos têm design lindo, e são possíveis de personalizar, ao gosto pessoal. 

Sem mais demoras, partilho convosco a receita da minha granola de coco e pecãs, super crocante, viciante e deliciosa. De forma a ficar mais crocante e a formar "clusters" sugiro que não mexam muito durante o forno, e no fim a deixem arrefecer sem tocar. Vão ver que forma aglomerados crocantes, e perfeitos para comer à mão a qualquer altura do dia. É um óptimo snack para manhãs e tardes de trabalho, que já não dispenso ter em casa. Nunca compro, prefiro sempre fazer caseirinha e boa. Espero que gostem.






 

GRANOLA CROCANTE DE COCO E PECÃS

2,5 chávenas de aveia em flocos

3/4 chávena de coco em flocos

2/3 chávena de nozes pecãs

1/2 chávena de amêndoas e avelãs picadas

2 colheres (chá) de canela

2 colheres (sopa) de açúcar de coco

1/2 chávena de mel

3 colheres (sopa) de óleo de coco

1 colher (chá) de pasta de baunilha

pitada de sal

 

Preparação

Numa taça misturar a aveia com as pecãs, amêndoas e avelãs, flocos de coco, sal e canela. Numa panela aquecer o mel com a baunilha, o açúcar de coco e o óleo de coco. Colocar esta mistura líquida sobre os sólidos e envolver bem. Espalhar a mistura num tabuleiro forrado com papel vegetal e levar ao forno pré-aquecido a 180ºC por cerca de meia hora ou até ficar bem douradinha. A meio do processo convém ir virando o tabuleiro e delicadamente mexer a granola de forma a não queimar. Deixar arrefecer sem mexer para formar aglomerados e ficar crocante, e guardar num frasco hermético. Servir com iogurte natural ou bebida vegetal, fruta fresca, mel e compota a gosto.

Bom Apetite!




Babka de Chocolate e Avelã

 



Passo para vos desejar uma feliz e doce Páscoa. Que embora continue a ser uma Páscoa atípica, que não falte a tradição à mesa. Agarro-me às memórias e às tradições, para manter um pouco desta época viva na minha casa. Preparamos um folar e um pão-de-ló como de costume. Há amêndoas e chocolate, e flores espalhadas pela casa e pelo jardim. Os dias têm estado quentes e mais longos, e isso traz alguma esperança com eles. De dias melhores, de dias menos preocupados e mais leves.

Este ano apesar de cumprir algumas das tradições, resolvi também deixar outras entrar, e tingi uns ovos com curcuma e couve roxa, foi uma experiência mesmo gira. A felicidade das pequenas coisas. Só me lembro de tingir ovos com cascas de cebola com a minha avó, para ficarem mais laranja-acastanhados e usar nos folares caseiros, era essa a tradição. 

Fiz esta Babka (ou Pão Doce), com recheio de chocolate e avelã, e é uma das minhas receitas preferidas do momento, e perfeita para a mesa de Páscoa. A massa fica mesmo boa, e se tiverem preguiça de fazerem o creme, podem sempre usar o de compra (Nutella). Desenvolvi a receita para a Makro Portugal, e podem encontrar no perfil de instagram da Makro um vídeo reels com o passo a passo para fazer este pão doce. Resta-me desejar-vos uma boa Páscoa, que seja assim como esta Babka, bem doce.






BABKA DE CHOCOLATE E AVELÃ

Para a massa:

330 gr de farinha T65

1 colher de chá de fermento de padeiro seco

50 gr de açúcar

Raspa de ½ laranja

2 ovos

½ colher de chá de sal

50 ml de água morna

75 gr de manteiga amolecida

 

Para o creme:

(em alternativa usar uma chávena de Nutella)

125 gr de avelãs tostadas

200 gr de chocolate negro 70%

50 gr de açúcar em pó

½ chávena de avelãs picadas para polvilhar

 

Para a calda:

50 gr de açúcar

50 ml de água

 

PREPARAÇÃO

Preparar a massa, colocando todos os ingredientes excepto a manteiga na taça da batedeira eléctrica. Com o gancho de amassar colocado, começar a mexer até misturar, altura em que se começa a colocar a manteiga amolecida, em pedaços e lentamente, mexendo até incorporar. Depois bater bem a massa durante 10 minutos. Colocar num recipiente e tapar com um pano, deixando a levedar num sítio quente por cerca de 2h30, até dobrar bem o volume.

Preparar o recheio, colocando as avelãs num processador e triturar bem até formar migalhas grossas. Juntar depois o chocolate derretido e o açúcar e processar cerca de 5 minutos, até obter um creme liso.

Numa superfície enfarinhada esticar a massa levedada, com a ajuda de um rolo da massa, num rectângulo fino de 35x25cm. Espalhar o creme de chocolate na massa, por toda a extensão. Salpicar com as avelãs picadas e começar a enrolar no sentido do lado maior de rectângulo, até obter um rolinho comprido. Se usar o creme de compra, colocar este rolo no congelador cerca de 10 minutos, para facilitar o corte. Cortar o rolo no sentido do comprimento ao meio, abrir as duas partes e entrançar uma na outra, pressionando as extremidades. Colocar a babka numa forma de bolo inglês com papel vegetal antiaderente e deixar levedar cerca de 1h ou até dobrar o volume na forma.

Pré-aquecer o forno a 180ºC e colocar a babka a cozer até dourar, cerca de 30-40 minutos.

Quando tirar do forno, e ainda dentro da forma, pincelar com a calda de açúcar, que se prepara colocando ao lume o açúcar e a água até ferver por 2 minutos.

 

Bom Apetite!